[Série] Uma breve história do exercício - post 4

Nos anos 2000, a tecnologia dos aparelhos de Musculação experimentou grande avanço. Associada ao aumento, ampliação e multiplicação dos estudos científicos, especialmente os relacionados ao desenvolvimento / treinamento da força muscular, a Ginástica (Atividades Coletivas), mais especificamente a Localizada, sofreu uma pequena perda de prestígio frente aos usuários praticantes de exercícios físicos em Academias. Tal fato, foi intensificado pelo redirecionamento do foco, da parte dos proprietários / gestores desse segmento, para o conjunto Força / Musculação. Por outro lado, as outras modalidades de “Coletivas” continuaram o seu movimento de aumento e diversificação de suas modalidades e metodologias. Com o advento de Treinamento Funcional / Exercícios Funcionais, o destaque dado às suas estratégias trouxe de volta à vitrine a Ginástica Localizada, que voltou a incorporar movimentos que, há pouco, havia alijado do seu repertório. Dessa forma, o binômio movimentos sistematizados – movimentos naturais (funcionais) ressurgiu com força (desculpem-me pelo trocadilho). Faz-se importante destacar que, antes mesmo da “introdução” dos exercícios funcionais na forma que hoje conhecemos, algumas iniciativas de “transgressão” dos limites tradicionais do rol de exercícios da Ginástica Localizada foram realizadas. Destaco, aqui, uma em parceria com o amigo Álvaro Romano, onde, no início dos anos 2000, criamos e multiplicamos pelos Congressos de Educação Física do Brasil, à época, a Ginástica Total, método que propunha a conjunção dos movimentos sistematizados da Ginástica Localizada com os movimentos naturais da Ginástica Natural, conforme figura abaixo.

 

Essa nova palheta de modalidades, métodos e exercícios trouxe novo vigor à Ginástica que, nos últimos anos, tem experimentado grande valorização da parte dos mesmos (e outros) proprietários / gestores desse segmento, supracitados. Este impulso reforçou, inclusive, a diferença na valorização de remuneração da hora/aula praticada quando comparada, por exemplo, à praticada para os professores de Musculação. Na Ginástica Localizada, mais especificamente no Rio de Janeiro (característica deste mercado), os chamados “professores de ponta”, ou “âncoras”, desfrutam de um valor de hora/aula muito similar ao praticado nas aulas de Treinamento Personalizado, proporcional ao nível socioeconômico considerado.

 

LINHA DO TEMPO NA GINÁSTICA

 

Num dos trabalhos apresentados no meu Doutoramento em Ciências do Desporto (em curso), na Universidade de Coimbra, Portugal, proponho a linha do tempo abaixo. Nesta, identificamos de onde viemos e onde estamos, mas, PARA ONDE VAMOS?

 

Essa interrogação pode ser parcialmente respondida quando analisamos os recentes resultados da pesquisa acerca das tendências de fitness & saúde apontadas por especialistas da área para o ano de 2019. Iniciamos esta nossa série - UMA BREVE HISTÓRIA DO EXERCÍCIO FÍSICO - Série Ginástica - com as tendências apontadas para 2018, e a fecharemos com as destacadas para 2019.

Em recente publicação (novembro/dezembro de 2018), o Health & Fitness Journal do American College of Sports Medicine sua nova listagem, com as TOP FIVE destacadas abaixo:

1º lugar: Wearable Technology - “Tecnologias Vestíveis”, ou seja, dispositivos tecnológicos que podem ser utilizados pelos usuários como peças do vestuário;

2º lugar: Group Training – Aulas Coletivas;

3º lugar: High-Intensity Interval Training (HIIT) - Treinamento Intervalado de Alta Intensidade;

4º lugar: Fitness Programs for older adults – Programas de exercícios para adultos mais velhos;

5º lugar: Body Weight Training – Treinamento com o Peso Corporal.

 

Em relação ao documento anterior, podemos observar as seguintes modificações:

* O Treinamento de Força (5° lugar na listagem anterior) foi substituído pelo Programa de exercícios para adultos mais velhos (4° lugar nesta última).

** O Treinamento Intervalado de Alta Intensidade - HIIT (1° lugar na anterior e 3° lugar na atual) trocou de posição com “Tecnologias Vestíveis”, que 3° lugar na anterior passa para o 1° lugar na atual.

*** Aulas Coletivas, leia-se Ginástica, manteve-se em 2° lugar.

 

A partir da história da Ginástica - Educação Física - Movimento, que percorremos, e da análise dos resultados das tendências futuras referentes à prática dos exercícios físicos, é possível afirmarmos que a Ginástica (Atividades Coletivas, Atividades em Grupo) continuará firme e forte em sua existência pois, está para o Movimento assim como este o está para a Educação Física. É possível, também, inferirmos que, em breve, poderemos ter a tecnologia “invadindo” as suas aulas, por exemplo, por intermédio das roupas de Eletroestimulação Muscular (EMS) e/ou da Realidade Virtual, e algumas interrogações emergem:

Que tecnologias poderiam contribuir para explorar a riqueza de movimentos que a Ginástica apresenta?

Que impactos experimentaríamos em seus métodos/metodologias?

Que novas modalidades de Ginástica poderiam surgir?

Quais as competências que seriam necessárias ao Profissional de Educação Física, Professor de Ginástica?

Estas respostas, com certeza, serão dadas por aqueles que não se aquietam, que se encontram num estado contínuo de descoberta, ávidos por inovação.

Por ora, só me resta agradecer. Foi uma honra e grande alegria ter viajado no tempo (e nas ideias), junto com vocês, em UMA BREVE HISTÓRIA DO EXERCÍCIO FÍSICO - Série Ginástica.

Até a próxima!!!

 

REFERÊNCIAS

AMERICAN COLLEGE OF SPORTS MEDICINE. Worldwide survey of fitness trends for 2019. ACSM’s:  Health & Fitness Journal: November/December 2018 - Volume 22 - Number 6 - p 10–17.

COSTA, M.G. Ginástica Localizada. Rio de Janeiro: Sprint Editora, 1996.

COSTA, M.G. Ginástica Localizada: Grupos Heterogêneos. Rio de Janeiro: Sprint Editora, 1998.

COSTA, M.G.; PERELLI, J.M.; MATARUNA-DOS-SANTOS, L.J. História da Ginástica no Brasil: da concepção e influência militar aos nossos dias. Navigator: subsídios para a história marítima do Brasil. Rio de Janeiro, V. 12, no 23, p. 63-75, 2016.

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Posts Em Destaque

Comportamento Sedentário, Saúde e Obesidade

January 31, 2019

1/4
Please reload

Posts Recentes
Please reload

Arquivo
Please reload

Procurar por tags